Uma Pedra

O distraído nela tropeçou.

O bruto a usou como projétil.

Já o empreendedor, utilizou-a para construir.

O camponês, cansado da lida, dela fez assento.

Para meninos, foi brinquedo, e Drummond a poetizou.

Já, David matou Golias, mas Michelangelo extraiu-lhe a mais bela escultura.

E, em todos os casos, a diferença não esteve na pedra, mas no homem!

Não existe “pedra” no nosso caminho que não possa ser aproveitada para
o nosso próprio crescimento.

Das oportunidades saibamos tirar o melhor proveito. Talvez não tenhamos outra chance para evoluir.

Quando tinha 25 anos e uma filha recém-nascida, fui demitido de uma empresa pública por apoiar o candidato derrotado na eleição.

Achei que estava perdido; mas tinha me achado. Encontrei a previdência e não seria o consultor que sou hoje, que levanta motivado todos os dias a aprender mais.

Se você, amigo, acha que está perdido, tente sair da cena e olhar a situação de fora. Provavelmente haverá outro e melhor caminho e Alguém está te dando a chance de segui-lo.

Anúncios